Clique e assine a partir de 9,90/mês
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Operação Lava Jato amplia equipe de investigadores

De acordo com o delegado Mauricio Moscardi, um dos coordenadores da equipe da PF em Curitiba, "ainda há uma demanda represada de fases anteriores da Lava Jato que justificam o aumento do efetivo"

Por Reinaldo Azevedo - Atualizado em 30 jul 2020, 21h40 - Publicado em 3 out 2016, 15h51

Contrariamente à mentira às vezes ouvida por aí de que o governo Temer quer acabar com a Lava Jato, reportagem da Folha desta segunda informa que a força-tarefa de delegados da Polícia Federal e de procuradores do Ministério Público em Curitiba continua a crescer. A direção da PF, por exemplo, já autorizou a convocação de três novos delegados para atuar na operação, e eles deverão ser integrados ao trabalho nas próximas semanas. Com o acréscimo, a força-tarefa passará a contar com 63 policiais federais, entre delegados, peritos e agentes. Segundo as autoridades, é necessário trazer mais profissionais pois ainda há uma enorme quantidade de material a ser analisado: em 30 meses de duração, até agora, foram 654 mandados de busca e apreensão nas 35 fases da Lava Jato, que resultaram em milhares de documentos, e-mails, mensagens de texto de celular e arquivos de computador. O exame de parte do acervo requer conhecimentos técnicos específicos e a PF busca em seus quadros profissionais especializados.

Publicidade