Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

No Conselho, voto continua aberto

A ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal, indeferiu, como vocês devem ter visto, o mandado de segurança do senador Almeida Lima (PMDB-SE) para que as votações de admissão dos processos por quebra de decoro contra Renan Calheiros (PMDB-AL) sejam secretas. É uma pequenina vitória da decência. Mas, já se sabe, é no plenário, com […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 20h22 - Publicado em 25 set 2007, 16h54

A ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal, indeferiu, como vocês devem ter visto, o mandado de segurança do senador Almeida Lima (PMDB-SE) para que as votações de admissão dos processos por quebra de decoro contra Renan Calheiros (PMDB-AL) sejam secretas. É uma pequenina vitória da decência. Mas, já se sabe, é no plenário, com voto secreto, que as coisas se decidem. O caldo entre PMDB e PT azedou um tanto. Em tese, ao menos, caso o Conselho de Ética decida enviar outro processo para o escrutínio da Casa, Renan pode ter uma má notícia. Mas é bom não apostar muito nisso.

Publicidade