Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Na Bolívia, Antonio Patriota alerta para aumento do narcotráfico

Há notícias que são muito mais interessantes por aquilo que não dizem. Assim é com este que segue, da France Presse. Leiam. Comento no próximo post. Em visita à Bolívia, o chanceler brasileiro Antonio Patriota expressou nesta sexta-feira sua preocupação com o aumento do narcotráfico no México e na América Central, e defendeu a cooperação […]

Há notícias que são muito mais interessantes por aquilo que não dizem. Assim é com este que segue, da France Presse. Leiam. Comento no próximo post.

Em visita à Bolívia, o chanceler brasileiro Antonio Patriota expressou nesta sexta-feira sua preocupação com o aumento do narcotráfico no México e na América Central, e defendeu a cooperação para evitar que o problema tome iguais proporções na América do Sul. “Estamos muito preocupados com a intensificação do problema [do narcotráfico] no México, na América Central e não queremos que assuma uma proporção comparável aqui na região”, afirmou durante coletiva ao lado de seu colega boliviano, David Choquehuanca.

Patriota e Choquehuanca abordaram a agenda bilateral Brasil-Bolívia, conversaram sobre uma futura reunião entre os presidentes Dilma Rousseff e Evo Morales, ainda sem data, e assinaram acordos de cooperação no campo agrícola, de saúde animal e de desenvolvimento fronteiriço. “É claro que nos preocupa a questão do narcotráfico, é uma questão que preocupa toda a comunidade internacional”, disse o ministro, que explicou que por tal motivo o Brasil tem o objetivo de cooperar com a Bolívia, terceiro produtor mundial de cocaína depois do Peru e Colômbia.

Brasil e Bolívia dividem uma fronteira comum de 3.100 quilômetros e muitos povoados nessa região são palco de fluxo de comércio de drogas e contrabando de armas e de automóveis roubados. Patriota afirmou que o Brasil “tem a intenção de desenvolver programas de cooperação bilaterais com vários dos países fronteiriços”, apesar de querer adotá-los nas Nações Unidas e na União de Nações Sul-Americanas (Unasul).

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s