Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Haddad: a pior ideologia ainda é a incompetência — misturada à arrogância. Ou: Os motoristas que escolham a esquerda!

Escrevi nesta manhã um post sobre a gestão desastrada do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, do PT. Seus “especialistas” querem agora proibir a circulação de táxis nos corredores de ônibus, o que levará a ainda mais carros na rua, como pode deduzir qualquer ser lógico. Vejam esta foto, de autoria de Marco Ambrosio (Frame/Folhapress), publicada […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 04h47 - Publicado em 16 dez 2013, 15h30

Escrevi nesta manhã um post sobre a gestão desastrada do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, do PT. Seus “especialistas” querem agora proibir a circulação de táxis nos corredores de ônibus, o que levará a ainda mais carros na rua, como pode deduzir qualquer ser lógico. Vejam esta foto, de autoria de Marco Ambrosio (Frame/Folhapress), publicada pela Folha Online.

Taxistas - Marco Ambrosio Frame-Folhapress

Os taxistas realizaram um protesto no começo desta tarde em frente à Prefeitura. Dizer o quê? Um mau prefeito torna pior a vida na cidade, que já não é lá essas coisas. Proibir os táxis de circular nos corredores fará, evidentemente, com que caia a demanda por esse serviço, os taxistas ficarão presos nas vias estranguladas por corredores e faixas, o usuário desaparecerá, e a tendência é que acabe usando o próprio carro, piorando ainda mais o trânsito.

O prefeito e seus xiitas dizem que isso significa apostar no transporte público. Pois é. De todas as ideologias, a pior ainda é a incompetência. Quando misturada à arrogância, o resultado é explosivo.  No Ministério da Educação, o seu jeito de ser não era percebido porque gente como ele pode se esconder na burocracia. Na Prefeitura, as coisas são diferentes. O rei sempre fica nu.

Haddad, que é considerado muito sabido, não ouve ninguém. Fiquei sabendo há pouco que os técnicos da Companhia de Engenharia de Tráfego advertiram o prefeito que corredor ou faixa exclusiva em vias com muita conversão à direita mais criam problemas do que soluções. Mas ele ignorou tudo e mandou bala. Vai ver é opção ideológica, né? O motorista que escolha à esquerda. Há “faixas” de ônibus em que há mais pontilhados do que linhas contínuas, obrigando os motoristas de carro a um entra e sai da faixa que logo vai se transformar numa indústria de multas.

Falei a respeito na Jovem Pan, num dos comentários desta manhã. Para ouvi-lo, clique aqui.

Continua após a publicidade
Publicidade