Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Esculhambação na Casa Civil, os petralhas e o capim

A rede petralha não se cansa de satanizar o consultor Rubnei Quícoli em razão de suas condenações judiciais. E manda bala: “A imprensa golpista está dando trela a bandido!” É mesmo? Então vamos ver. No sábado, a VEJA traz a reportagem sobre o lobby feito por Israel Guerra no caso da renovação da licença da […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 14h13 - Publicado em 17 set 2010, 16h55

A rede petralha não se cansa de satanizar o consultor Rubnei Quícoli em razão de suas condenações judiciais. E manda bala: “A imprensa golpista está dando trela a bandido!” É mesmo? Então vamos ver.

No sábado, a VEJA traz a reportagem sobre o lobby feito por Israel Guerra no caso da renovação da licença da MTA, prova que existia um grupo operando dentro da Casa Civil e que Erenice se encontrou com o “cliente” do filho. A Al Qaeda eletrônica se assanha: “Calúnia! Mentira! Processa! Pega! Esfola!” . Erenice divulga aquela nota cheia de “moral”… Os petistas falam em factóide. Dilma ensaia a tese de que “filho não é parente”… Na quarta, a Folha publica a reportagem sobre a ação da turma no caso da EDRB, empresa de que Quícoli é consultor.

Na quinta, Erenice é demitida. E hoje ainda é sexta, se é que vocês me entendem…

Nunca antes da história destepaiz a ministra mais poderosa do governo caiu tão rápido por causa de “uma reportagem falsa” e do “testenho de um bandido” (como dizem os petralhas). Ora, se era assim, Lula que não vitimasse uma inocente.

Qual foi a dificuldade para sustentar que tudo não passava de uma tramóia da oposição? Os e-mails, contratos, minutas, reuniões de Erenice com os “clientes” etc.

Digamos que as coisas não tenham acontecido rigorosamente de acordo com o que dizem os denunciantes. Não importa! A VERSÃO DOS PRÓPRIOS ACUSADOS É PÉSSIMA. Ela basta para mandar Erenice pra casa e para evidenciar a esculhambação da Casa Civil na gestão Dilma.

PS – E que fique claro: se Marcola ou o chefão do Comando Vermelho apresentarem evidências de que fazem negócios com figurões da República, o fato de serem quem são só agravaria a denúncia, não é mesmo? Não, não estou comparado Quícoli a esses dois. Só estou evidenciando a falha lógica do raciocínio dos petralhas. Eles não são bons nisso. Preferem capim.

Continua após a publicidade
Publicidade