Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Eduardo Cunha é notificado sobre pedido de afastamento do cargo

A partir de hoje, peemedebista tem dez dias corridos para se defender

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 30 jul 2020, 23h31 - Publicado em 16 fev 2016, 12h36

Eduardo Cunha, presidente da Câmara, foi oficialmente notificado nesta manhã sobre pedido de afastamento do cargo de deputado federal e do mandato de presidente da Casa.  A partir de hoje, o peemedebista tem de apresentar sua defesa em até dez dias. O pedido foi protocolado no fim do ano passado por Rodrigo Janot junto ao Supremo Tribunal Federal e, se aceito por Teori Zavascki, será analisado pelos onze ministros.

O pedido de afastamento lista diversas situações que apontam o uso do cargo para integração de organização criminosa e tentativa de obstrução de investigações criminais.  Cunha também é investigado num caso de recebimento de propina relativo a contratação de navio sonda pela Petrobras.

Pedido anterior de afastamento de Cunha já foi protocolado na Câmara, mas segue sem andamento graças à anulação da sessão em que foi recebido, por manobra de aliados do parlamentar.

Publicidade