Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Dilma é pé-frio. E Lula é o seca-pimenteira do Corinthians

Dilma Rousseff é pé-frio. É verdade: antes de ela posar ao lado do presidente do Corinthians, que se filiou ao PT, o time não vencia havia quatro rodadas. Agora não vence há cinco. Isso é a massa negativa: Dilma se juntou ao Corinthians, e a nossa derrota aumentou. Dilma soma, e o Corinthians fica menor. […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 17h07 - Publicado em 9 ago 2009, 19h45

dilma-presidente-do-corinthians1

Dilma Rousseff é pé-frio.

É verdade: antes de ela posar ao lado do presidente do Corinthians, que se filiou ao PT, o time não vencia havia quatro rodadas. Agora não vence há cinco. Isso é a massa negativa: Dilma se juntou ao Corinthians, e a nossa derrota aumentou. Dilma soma, e o Corinthians fica menor.

Acorde, Fiel! A gente já viu isso antes. É assim que se começa a ir para o brejo.

Campeão da segundona, Campeão Paulista, Campeão da Copa do Brasil, o time ia bem. E aí o tal Andrés Sanchez achou que já poderia se descuidar do futebol para se dedicar à política partidária, essa atividade absolutamente rasteira quando aquela paixão está em jogo. Está seguindo orientação do Planalto. Ele, sim, deveria ouvir a voz das ruas. Preferiu a voz do Palácio.

Tirem as patas do Corinthians!

Deixem o Corinthians em paz!

Volte àquela que é a sua tarefa, sr. Andrés Sanchez. Cadê as contratações para recompor o time, que foi desestruturado?

Continua após a publicidade

Acorde, Fiel! As vitórias do time na gestão de Sanchez não lhe dão crédito para ferrar o Corinthians. Ele apenas cumpria a sua obrigação. Está na direção do clube com a tarefa de fazê-lo avançar.

Dilma é pé-frio! Lula é pé-frio!

Depois que Lula recebeu o time, a coisa desandou. É o seca-pimenteira do Corinthians. Que todos os corintianos passem adiante esta mensagem: o PT faz mal ao Corinthians! Queremos uma direção que cuide do clube e se afaste da vulgaridade da política partidária.

Alô, Fiel! Hora de começar a botar a boca no trombone. Ou eles nos empurram, de novo, para a segundona. Sim, nós sabemos: eles são capazes de fazer isso. Na melhor das hipóteses, eles se conformam com a mediocridade.

A Fiel quer gols e vitórias. Eles, os oportunistas, querem os votos da Fiel.

PS – Haverá sempre um idiota para dizer que estou forçando a mão. Estou? De jeito nenhum! Os que protagonizaram aquela cena ridícula de ontem — refiro-me a Dilma e Sanchez na foto acima (ele é o da esquerda) — esperam que o time lhes renda dividendos. E time que rende dividendos é o que ganha. Como o Corinthians não ganhou pela quinta vez consecutiva — depois que Lula abençoou os jogadores com a sua urucubaca —, então que os espertalhões que se meteram com o clube dividam o peso da derrota. Com Lula e Dilma, os inimigos alcançam o Corinthians, como não quer São Jorge.

Vá cuidar de Futebol, Sanchez. Ou saia da área.

PS – Houve um probleminha técnico, e cinco comentários já publicados deste post se perderam. Se puderem mandar de novo, agradeço

Continua após a publicidade
Publicidade