Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

CADÊ AS PESQUISAS DO SENSUS E DO VOX POPULI?

Enquanto as inserções curtas do PT iam ao ar, os institutos Sensus e Vox Populi realizavam suas pesquisas de opinião. O segundo encerrou o campo  a 13 de maio, mesmo dia em que o partido levou ao ar o seu programa do horário político, aquele em que Lula apresentou Dilma para as massas. O Sensus […]

Enquanto as inserções curtas do PT iam ao ar, os institutos Sensus e Vox Populi realizavam suas pesquisas de opinião. O segundo encerrou o campo  a 13 de maio, mesmo dia em que o partido levou ao ar o seu programa do horário político, aquele em que Lula apresentou Dilma para as massas. O Sensus esperou até o dia seguinte, 14, já captando o provável efeito da presença da candidata na TV.

Acabei de visitar o site do TSE. O mesmo tratamento não foi dispensado ao PSDB. Nem Vox Populi nem Sensus estão fazendo pesquisa. O mínimo que se poderia esperar era um tratamento igual, não é mesmo? Qual será a desculpa?

E o Datafolha? Ainda não dá para saber. Em maio, o instituto foi às ruas uma semana depois do programa petista, nos dias 20 e 21. Vamos ver agora.

Pesquisas definem eleição? Acho que não. Mas é claro que se tornaram um fator na disputa. Num confronto acirrado, qualquer pontinho a mais ou a menos num levantamento agita o mundo político. Se a presença dos candidatos na TV fosse irrelevante, os partidos não lutariam tanto pelos minutos da telinha. A rigor, o tempo do horário eleitoral gratuito acabou se tornando o grande redutor das divergências no país. O PT, por exemplo, se interessa mais pelo estoque de minutos do PMDB do que propriamente por sua máquina.

À esteira dos pontinhos a mais ou menos nos levantamentos, vem a cascata de notícias, análises, fofocas, ameaças de traição, tudo isso que torna o ambiente político tão agitadamente previsível. Não há escapatória: ou bem se dispensa aos candidatos o mesmo tratamento, ou se está fazendo uma escolha. Ao agir como agem, Sensus e Vox Populi fizeram a sua. E isso não é novidade para ninguém.

Consta que os pesquiseiros estão dizendo que o momento não é bom para levantamentos por causa das festas juninas ou sei lá o quê… Não entendi.  A  interferência da quadrilha na política não é exatamente uma novidade…

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s