Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Assassinos de Anwar Sadat eram membros da Irmandade Muçulmana infiltrados no Exército

No dia 6 de outubro de 1981, quatro representantes da Jihad Islâmica Egípcia, grupo saído da Irmandade Muçulmana,  mandaram para os ares o presidente Anwar Sadat, que fez o acordo de paz com Israel. Foi assim que Hosni Mubarak chegou ao poder. Os assassinos estavam infiltrados no Exército.

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 12h59 - Publicado em 31 jan 2011, 21h27

No dia 6 de outubro de 1981, quatro representantes da Jihad Islâmica Egípcia, grupo saído da Irmandade Muçulmana,  mandaram para os ares o presidente Anwar Sadat, que fez o acordo de paz com Israel. Foi assim que Hosni Mubarak chegou ao poder. Os assassinos estavam infiltrados no Exército.

Publicidade