Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Vendas de artigos esportivos crescem 35% na pandemia, diz Visa

A Covid-19 provocou uma corrida contra o sedentarismo e por hábitos mais saudáveis entre os brasileiros

Por Lucas Vettorazzo Atualizado em 21 set 2021, 17h41 - Publicado em 14 set 2021, 18h30

A pandemia da Covid-19 provocou uma corrida entre parte dos brasileiros contra o sedentarismo e por hábitos mais saudáveis. Muitos consumidores compraram artigos esportivos para se exercitar em casa durante a vigência das medidas de isolamento. 

Segundo um levantamento feito pela Visa com informações sobre hábitos de consumo dos clientes, houve aumento de 35% nas compras de artigos esportivos no segundo trimestre deste ano em relação a igual período do ano passado. Esse aumento engloba vendas online e presenciais. 

Considerando apenas o volume de transações com cartão e analisando os dados por região, a pesquisa indicou aumento nas cinco regiões brasileiras. O Norte, com alta no volume de transações da ordem de 74%, liderou o crescimento no segundo trimestre deste ano, seguido pelo Nordeste (49,8%), Sudeste (41,9%), Centro-Oeste (36,3%) e Sul (27,3%). 

Por fim, a pesquisa separou o consumo por estados. Os que tiveram crescimento acima de 50% no período foram Roraima (123%), Amazonas (102%), Pará (98%), Rondônia (76%), Paraíba (65%), Ceará (58%), Goiás (57,7%) e Maranhão (51%). São Paulo, estado com maior volume de pagamentos, teve aumento de 45% das vendas na mesma base de comparação.

Continua após a publicidade
Publicidade