Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Venda dobrada

A venda de bens de traficantes e a apreensão de dinheiro vivo renderam 40 milhões de reais ao Ministério da Justiça em 2014 – mais do que o dobro de 2013, quando o patrimônio do tráfico rendeu à União 19 milhões de reais. O montante é destinado para o Fundo Nacional Antidrogas, gerido pela Secretaria […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 02h13 - Publicado em 2 fev 2015, 10h28
Vitore: dinheiro do tráfico abastece fundo

Vitore: dinheiro do tráfico abastece fundo

A venda de bens de traficantes e a apreensão de dinheiro vivo renderam 40 milhões de reais ao Ministério da Justiça em 2014 – mais do que o dobro de 2013, quando o patrimônio do tráfico rendeu à União 19 milhões de reais.

O montante é destinado para o Fundo Nacional Antidrogas, gerido pela Secretaria Nacional Antidrogas. Segundo o secretário Vitore Maximiano, a estratégia só foi possível porque aumentou a apreensão de dinheiro em espécie e porque foram feitos mais leilões – 14 no total.

Publicidade