Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vélez vence queda de braço com Olavo de Carvalho

Com o aval de Jair Bolsonaro

A revoada de funcionários alocados no gabinete do ministro da Educação, Ricardo Vélez, foi provocada por uma queda de braço sua com Olavo de Carvalho

Um deles, o assessor Silvio Grimaldo, disse ter sido expurgado do MEC.

Vélez vinha enfrentando crescente tensão com o guru e seus discípulos.

Por causa disso, Vélez foi ao presidente Jair Bolsonaro relatar o problema. E ouviu de Bolsonaro que tinha carta branca para fazer o que quisesse.

Vélez decidiu, então, pela exoneração. Especula-se que até oito seguidores de Olavo devam ser afastados do MEC.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s