Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Valores irreais

Eis mais um exemplo dos valores irreais que envolvem o futebol brasileiro. Cristóvão Borges e a sua comissão técnica vão custar 320 000 reais mensais para o Fluminense. Renato Gaúcho, sozinho, valia 600 000 reais – 200 000 reais para o clube bancar e 400 000 reais para a Unimed.

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 04h06 - Publicado em 4 abr 2014, 11h44
Cristovão: salário mais baixo que antecessor

Cristovão: salário mais baixo que antecessor

Eis mais um exemplo dos valores irreais que envolvem o futebol brasileiro. Cristóvão Borges e a sua comissão técnica vão custar 320 000 reais mensais para o Fluminense. Renato Gaúcho, sozinho, valia 600 000 reais – 200 000 reais para o clube bancar e 400 000 reais para a Unimed.

Publicidade