Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Uma reforma de quase 1 bilhão de reais

Um estudo que acabou de chegar às mãos do comitê organizador da Copa garante que a cobertura do Maracanã está “tecnicamente comprometida” — numa palavra, está podre. Terá de ser derrubada e refeita. Nada disso era previsto no projeto original – nem no orçamento de 705 milhões de reais. A reforma do Maracanã, que já […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 13h12 - Publicado em 8 jan 2011, 00h26

Mais dinheiro? – Maracanã: o que já era dispendioso vai ficar mais caro

Um estudo que acabou de chegar às mãos do comitê organizador da Copa garante que a cobertura do Maracanã está “tecnicamente comprometida” — numa palavra, está podre. Terá de ser derrubada e refeita. Nada disso era previsto no projeto original – nem no orçamento de 705 milhões de reais. A reforma do Maracanã, que já era a mais cara entre as de todos os estádios da Copa, custará mais 200 milhões de reais ao governo do Rio de Janeiro. A conta já chega a quase 1 bilhão de reais jogados em um estádio que sofreu duas grandes reformas desde 2004, nas quais foram gastos 300 milhões de reais.

Publicidade