Clique e assine com 88% de desconto
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Pedro Carvalho. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

TRE do Rio afasta juíza apoiada por Witzel para disputar prefeitura

Glória Heloíza deverá ficar sem atuar como desembargadora eleitoral

Por Mariana Muniz - Atualizado em 21 jan 2020, 18h47 - Publicado em 21 jan 2020, 18h44

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RJ) determinou o afastamento da juíza Glória Heloíza Lima da Silva do cargo de desembargadora eleitoral a partir desta terça-feira. Ela tem sido citada como o nome apoiado pelo governador Wilson Witzel (PSC) para se candidatar à Prefeitura do Rio de Janeiro.

O TRE atendeu a um pedido da Procuradoria Regional Eleitoral no Rio e concordou que há danos potenciais graves caso ela continue atuando na função e, eventualmente, se descompatibilize para as eleições de outubro.

No pedido ao Tribunal, o Ministério Público afirmou ser legítima a pretensão política de magistrados, mas frisou que a condição da magistrada como membro de corte eleitoral pode prejudicar o sistema de justiça eleitoral do estado até que se configure o prazo máximo de desincompatibilização.

 

Publicidade