Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

‘Tô aqui desarmado e vou enfrentar’, avisou Cid antes de ser baleado

‘Enfrentarei aqueles que se dispuserem a enfrentar a lei’, discursou para apoiadores

Por Robson Bonin Atualizado em 19 fev 2020, 20h13 - Publicado em 19 fev 2020, 20h01

O senador Cid Gomes chegou a Sobral, no interior do Ceará, no meio da tarde desta quarta 19, subiu na carroceria de um caminhão, e discursou para apoiadores que esperavam por ele na pista do aeroporto.

“Eu tô aqui desarmado e eu vou enfrentar! Enfrentarei aqueles que se dispuserem a enfrentar a lei, a ordem, a paz, a tranquilidade do espírito sobralense”, discursou Cid. “Vamos circular o centro de Sobral e vamos na sequência ao terceiro batalhão e vamos descer de mão para cima simbolizando a paz. A partir daí, nós vamos tomar providências em relação a essas pessoas. Marginais com arma em punho, amedrontando o povo da minha terra de Sobral”, seguiu o senador.

Na chegada ao batalhão, depois de mandar os policiais amotinados deixarem o local, o senador pegou um trator e decidiu arrombar ele mesmo o portão do quartel.

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade