Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Pedro Carvalho. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Tiririca custo zero: preguiça ou auto-confiança

Deputado palhaço concorre ao terceiro mandato na Câmara

Por Gabriel Mascarenhas - 12 set 2018, 16h34

A tomar pela prestação de contas, faltando menos de um mês para a eleição, Tiririca ainda não começou a campanha

O deputado palhaço já recebeu 600 000 reais do PR, seu partido, para bancar a confecção de santinhos, aluguel de carros, viagens ao interior e outras despesas comuns para um candidato a deputado.

Até agora, porém, ele não gastou um real sequer com coisa alguma.

Possivelmente, a excelência está contando a fidelidade do eleitorado que o elegeu nos últimos dois pleitos e não precisa de santinho para saber em que votar.

Publicidade

Tiririca, talvez, esteja mais confiante do que deveria. Os tempos são outros.

Para se ter ideia, de acordo com as informações do TSE, ninguém se encorajou a doar uma real à campanha do palhaço, ao menos por enquanto.

Publicidade