Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Pedro Carvalho. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

STJ julga indenização contra Gugu Liberato por falsa entrevista com PCC

Passados treze anos da falsa entrevista de Gugu Liberato com traficantes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), o Superior Tribunal de Justiça julga nesta terça (4) recurso do apresentador. Gugu trava uma batalha na justiça contra o pedido de indenização de 1 milhão de reais feito pelo ex-árbitro de futebol Oscar Roberto de Godoi. […]

Por Da Redação - Atualizado em 8 fev 2017, 09h14 - Publicado em 4 out 2016, 13h30
gugu

Gugu Liberato

Passados treze anos da falsa entrevista de Gugu Liberato com traficantes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), o Superior Tribunal de Justiça julga nesta terça (4) recurso do apresentador. Gugu trava uma batalha na justiça contra o pedido de indenização de 1 milhão de reais feito pelo ex-árbitro de futebol Oscar Roberto de Godoi.

Em 2003, Godoi era apresentador do Cidade Alerta, na Record, e foi ameaçado de morte durante a falsa entrevista. O quadro foi exibido pelo Domingo Legal, apresentado na época por Gugu no SBT, e contava com dois homens encapuzados.

Eles diziam fazer parte do PCC e foram entrevistados em uma van. Além de Godoi, ameaçaram também o apresentador Marcelo Rezende, na época da Rede TV, José Datena, da Band, e o vice-prefeito de São Paulo, Hélio Bicudo. Também afirmaram ter participado de uma tentativa de sequestro ao padre Marcelo Rossi.

Publicidade

 

 

Publicidade