Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

STF dá cinco dias para Kajuru explicar ataque a Baldy: ‘bandido’

Secretário de Transportes de SP acusa senador das práticas de injúria e difamação

Por Mariana Muniz - 18 nov 2019, 17h37

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), deu cinco dias para que o senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) se manifeste sobre a queixa-crime apresentada contra ele por Alexandre Baldy (PP), atual secretário de Transportes de São Paulo.

Baldy acusa Kajuru das práticas de injúria e difamação “em virtude de ofensas que teriam sido proferidas pelo congressista, ora querelado, mediante publicações em seu perfil no ‘Instagram’”.

Nas declarações reproduzidas por Baldy na ação penal, Kajuru se refere ao rival político como “bandido”, “malandro goiano” e “rei do toma lá dá cá” – entre outras expressões.

Publicidade