Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Segundo auxiliares, Pazuello deixará Saúde depois do carnaval

Interlocutores afirmam que Ministério passa por momento de grande desorganização interna

Por Mariana Muniz Atualizado em 5 fev 2021, 07h33 - Publicado em 5 fev 2021, 06h01

Há nove meses sob o comando do general Eduardo Pazuello, o Ministério da Saúde pode mudar em breve de chefia. Até auxiliares do ministro já admitem que o ciclo dele à frente da pasta está chegando ao fim — mais precisamente, após o carnaval.

Alvo de investigação no Supremo, Pazuello segue trabalhando no seu ritmo, sem dar sinais de desânimo. Mas interlocutores da Saúde afirmam que o Ministério passa por um  momento de grande desorganização interna.

O timing pós-carnaval é apontado como favorável uma vez que a produção da vacina pela Fiocruz terá ganhado fôlego e os acertos no Congresso já terão passado, permitindo fazer uma leitura sobre o que ou quem ficou, digamos, faltando contemplar.

Publicidade