Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

O que liga Onyx ao diretor no centro do caso de propina na Saúde

Roberto Dias tinha ótimas relações no Palácio do Planalto

Por Robson Bonin, Gustavo Maia Atualizado em 3 jul 2021, 17h24 - Publicado em 5 jul 2021, 12h31

Além do deputado federal Ricardo Barros e do senador Davi Alcolumbre, o ex-diretor de Logística do Ministério da Saúde Roberto Ferreira Dias tinha ótimas relações no governo com o ministro Onyx Lorenzoni.

Interlocutores de Onyx revelaram ao Radar que foi o ministro gaúcho que aproximou Dias de Alcolumbre. Ambos são do DEM.

Oficialmente, foi o ex-deputado federal Abelardo Lupion, do mesmo partido, que assumiu a autoria da indicação, ainda no início do governo, na gestão do então ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

Dias foi exonerado na semana passada, depois que a Folha publicou entrevista com um policial militar e suposto vendedor de vacinas, Luiz Paulo Dominghetti Pereira. O PM acusou Dias de cobrar propina para fechar uma compra de doses da vacina da AstraZeneca.

Continua após a publicidade
Publicidade