Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Rio mais próximo de ter fechamento total de atividades não essenciais

Recomendação do comitê científico da cidade deve ter respaldo do prefeito, Eduardo Paes

Por Mariana Muniz Atualizado em 22 mar 2021, 13h06 - Publicado em 22 mar 2021, 12h47

O grave quadro de superlotação nas UTIs do Rio de Janeiro pela Covid-19 fez com que o comitê científico da cidade recomendasse o fechamento total de todas as atividades não essenciais. O panorama foi apresentado em reunião na manhã desta segunda-feira. 

Agora, caberá a Eduardo Paes (DEM) decidir o que fazer a partir do prognóstico lançado pelos especialistas. Interlocutores da prefeitura ouvidos pelo Radar acreditam que o prefeito deve acatar a recomendação.

Nos últimos dias, Paes já vinha se mostrando disposto a tomar medidas mais drásticas a fim de reduzir a circulação na cidade — e consequentemente tentar diminuir a propagação do vírus.

O anúncio do que ficar decidido a partir da reunião dos especialistas será feito em coletiva de imprensa ainda nesta segunda-feira.

Continua após a publicidade
Publicidade