Clique e assine a partir de 8,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Réu da Lava-Jato pede devolução de carros de luxo

Leonardo Guerra saiu da cadeia após apresentar bens como garantia de pagamento de fiança

Por Pedro Carvalho - 5 jul 2018, 06h32

Fora da prisão ao apresentar imóveis e carros de luxo como garantia de pagamento de fiança no valor de 6,4 milhões de reais, Leonardo Guerra, administrador da Rio Tibagi, subsidiária da concessionária de rodovias Econorte, acusada de irregularidades nas concessões de rodovias federais no Paraná, pede a devolução de seus automóveis. 

Sob a justificativa de ter excedido o valor determinado pelo juiz Sergio Moro, Guerra pleiteia a devolução de uma Land Rover Discovery, um Porsche Cayenne e três BMW — uma moto e dois carros.

As máquinas são avaliadas em 671 mil reais.

 

Continua após a publicidade
Publicidade