Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Resumindo Sarney

Não é difícil fazer um resumo dos quatro meses da gestão José Sarney no Senado. Aliás, na posse, ele disse que este mandato tem “gosto de despedida”, pois será seu último mandato: – Sarney inaugura o ponto eletrônico no Senado e, poucos dias depois, dispensa boa parte dos servidores do seu gabinete de bater ponto; […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 11h48 - Publicado em 31 Maio 2011, 21h01

Não é difícil fazer um resumo dos quatro meses da gestão José Sarney no Senado. Aliás, na posse, ele disse que este mandato tem “gosto de despedida”, pois será seu último mandato:

– Sarney inaugura o ponto eletrônico no Senado e, poucos dias depois, dispensa boa parte dos servidores do seu gabinete de bater ponto;

– Descoberta a refrega com dinheiro público, Sarney foi obrigado a devolver cerca de 24 000 reais de um jantar que ofereceu ao ex-presidente do STJ Cesar Asfor Rocha;

– Sarney inaugura a nova galeria dos fatos que marcaram o Senado e, ao comentar a exclusão do impeachment de Fernando Collor, diz que é um fato menor. Mas, diante da reação, manda colocar um painel sobre o fato e diz: “não temos nada para esconder nesta Casa”.

Continua após a publicidade
Publicidade