Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Que nem vestibular

Com 11 bilhões de reais para obras de drenagem e contenção de encostas parados nos cofres do Ministério das Cidades, Mário Negromonte telefonou para Gleisi Hoffmann para saber se também ele deveria abandonar as férias e voltar ao batente. Gleisi dispensou a ajuda. Questionado sobre a demora do governo em liberar recursos para obras estruturantes, […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 09h47 - Publicado em 10 jan 2012, 12h29

Segue de férias

Com 11 bilhões de reais para obras de drenagem e contenção de encostas parados nos cofres do Ministério das Cidades, Mário Negromonte telefonou para Gleisi Hoffmann para saber se também ele deveria abandonar as férias e voltar ao batente. Gleisi dispensou a ajuda.

Questionado sobre a demora do governo em liberar recursos para obras estruturantes, Negromonte diz que não há demora do governo:

— Não tem dificuldade. O que tem é seleção. É que nem vestibular, tem que ter análise primeiro para depois aprovar a obra e os repasses.

Continua após a publicidade
Publicidade