Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Público e notório

Marconi Perillo foi à Justiça torpedear uma assessora de Ronaldo Caiado que compartilhou no Facebook uma montagem em que Carlinhos Cachoeira tira uma máscara do rosto de Perillo, sob a legenda: “Face oculta do poder em Goiás”. Perillo entrou com uma ação no Tribunal Regional Eleitoral goiano contra a funcionária do gabinete de Caiado e […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 03h06 - Publicado em 12 set 2014, 20h21
Marconi pelo celular

Derrota na Justiça

Marconi Perillo foi à Justiça torpedear uma assessora de Ronaldo Caiado que compartilhou no Facebook uma montagem em que Carlinhos Cachoeira tira uma máscara do rosto de Perillo, sob a legenda: “Face oculta do poder em Goiás”.

Perillo entrou com uma ação no Tribunal Regional Eleitoral goiano contra a funcionária do gabinete de Caiado e o Facebook, pedindo a retirada da imagem do ar. Desgastou-se à toa.

O juiz auxiliar Rodrigo da Silveira não só julgou improcedente o recurso com se baseou num parecer Ministério Público – para lá de constrangedor para Perillo.

O trecho do documento do MP, avalizado pelo magistrado, afirma que a tal gravura não insinua que o governador mantinha relações espúrias com o bicheiro, mas expõe:

– É público e notório que durante o período em que Cachoeira comandava o esquema de contravenção penal em Goiás (…) de fato havia um segundo poder, oculto, no estado, chefiado pelo aludido contraventor.

Perillo deverá recorrer da decisão ao plenário do TRE

Continua após a publicidade
Publicidade