Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Propaganda de Crivella é alvo de ação por excesso de tempo de Bolsonaro

Candidato do PSL foi à Justiça Eleitoral para que programa seja tirado do ar

Por Mariana Muniz 14 out 2020, 20h53

O candidato à prefeitura do Rio pelo PSL, Luiz Lima, foi à Justiça Eleitoral nesta quarta-feira contra a campanha de Marcelo Crivella, do Republicanos. O motivo: a aparição excessiva de Jair Bolsonaro na propaganda do atual prefeito da cidade.

Segundo a representação encaminhada pelo deputado federal — que é vice-líder do governo de Bolsonaro na Câmara dos Deputados –, Bolsonaro aparece na propaganda de Crivella além do tempo permitido pela lei para a participação dos apoiadores, que é de 25% do tempo permitido pela legislação eleitoral em cada programa ou inserção. 

A decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Rio deve sair a qualquer momento. Caso o pedido seja atendido, a retirada da propagada é imediata após a notificação. Crivella é o único candidato à prefeitura do Rio que tem o apoio formal de Bolsonaro, enquanto Lima também busca colar na imagem do presidente. 

Publicidade