Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Primeira mulher negra a liderar a UNE, Bruna Brelaz define prioridades

Bruna Chaves Brelaz tem 26 anos e é natural do Amazonas

Por Robson Bonin Atualizado em 19 jul 2021, 17h53 - Publicado em 20 jul 2021, 13h28

A União Nacional dos Estudantes elegeu no fim de semana, pela primeira vez em 84 anos de história, uma mulher negra para presidente.

Bruna Chaves Brelaz tem 26 anos e é natural do Amazonas. A estudante de Direito é também a primeira representante da Região Norte do Brasil a comandar a entidade e foi diretora do DCE da Universidade Estadual do Amazonas, além de presidente da União Estadual dos Estudantes do Amazonas.

A próxima gestão deve lidar com desafios como a revisão da Lei de Cotas no próximo ano, reposição no orçamento das universidades e regulamentação para o ensino híbrido. Ações e projetos para permanência estudantil e a questão das altas taxas de evasão também estão na lista de prioridades.

Bruna quer ampliar a mobilização e o debate em defesa da Amazônia, levando campanhas e ações para as universidades

Continua após a publicidade
Publicidade