Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Prefeitura de São Paulo adia pela quarta vez privatização de cemitérios

Decisão ocorreu por intervenção do Tribunal de Contas do Município

Por Mariana Muniz Atualizado em 15 Maio 2020, 10h40 - Publicado em 14 Maio 2020, 16h48

Por intervenção do Tribunal de Contas do Município (TCM), a prefeitura de São Paulo adiou mais uma vez o processo de privatização dos 22 cemitérios municipais, que estava prevista para sexta-feira. A licitação, agora, não tem nova data para acontecer.

O adiamento pegou de surpresa empresas privadas e investidores do setor, uma vez que trata-se da quarta mudança de data do processo desde que o tema começou a ser estudado, em 2017.

A prorrogação ocorre em meio ao aumento no número de enterros na cidade, uma das mais atingidas pela pandemia do coronavírus. A qualidade do serviço funerário em São Paulo já foi classificada pelo próprio Covas como sendo o pior dentre os oferecidos pela prefeitura.

Publicidade