Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Por coronavírus, Damares restringe acesso do público a evento

Ministra mantém apenas autoridades na solenidade de lançamento do Projeto 'Mães Unidas'

Por Evandro Éboli Atualizado em 12 mar 2020, 12h54 - Publicado em 12 mar 2020, 12h52

Por conta do temor de que os casos de coronavírus se alastrem pela Esplanada dos Ministérios, em Brasília, a ministra Damares Alves decidiu fechar ao público um evento organizado por sua pasta que acontece nesta quinta-feira.

A solenidade de lançamento do Projeto “Mães unidas” está marcada para as 14h na sede do Ministério dos Direitos Humanos, da Mulher e da Família.

Agora, os convidados estão recebendo uma mensagem comunicando que o evento, agora, será restrito às autoridades que assinarão os convênios. No texto, a ministra pede desculpas e lamenta o ocorrido. Mas os convidados, certamente, agradecem a precaução.

Leia a íntegra da mensagem:

“ATENÇÃO
DEVIDO A EPIDEMIA DO CORONAVÍRUS O EVENTO DE LANÇAMENTO DO PROJETO “MÃES UNIDAS” NÃO SERÁ MAIS ABERTO AO PÚBLICO, SENDO UMA CERIMÔNIA RESTRITA ÀS AUTORIDADES QUE ASSINARÃO OS DOCUMENTOS.
Pedimos desculpas e lamentamos o ocorrido.

Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres
MMFDH”

Continua após a publicidade
Publicidade