Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

População de estado mais afetado considera reivindicações válidas, mas rejeita ocupação de escolas

Para 62,2% da população do Paraná, estado mais afetado com ocupações de escolas, as reivindicações de estudantes e militantes de partidos contra a PEC do teto dos gastos e reforma do ensino é válida. A maioria da população (69%), no entanto, desaprova a ocupação das escolas. Os dados são do Instituto Paraná Pesquisas, que ouviu […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 21h24 - Publicado em 7 nov 2016, 09h31

invasoes

Para 62,2% da população do Paraná, estado mais afetado com ocupações de escolas, as reivindicações de estudantes e militantes de partidos contra a PEC do teto dos gastos e reforma do ensino é válida.

A maioria da população (69%), no entanto, desaprova a ocupação das escolas.

Os dados são do Instituto Paraná Pesquisas, que ouviu 1 418 pessoas entre os dias 1 e 3 deste mês. A margem de erro do levantamento é de 2,5%.

A pesquisa ainda mostra que 84,2% dos entrevistados acredita que os manifestantes deveriam encontrar uma outra forma de protesto. E 66,1% pensa que há motivações políticas e partidos por trás das ocupações.

Continua após a publicidade
Publicidade