Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Planalto esconde nomeação de novo ministro

Estratégia

Passou quase despercebido, mas na posse dos novos ministros um não esteve presente: Edson Duarte, secretário-executivo do Meio Ambiente, assumiu a pasta, após saída de Sarney Filho.

Não foi sem querer. A estratégia do Planalto e mantê-lo interino, sem chamar a atenção, até o fim do ano.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

  1. Pacífico Guerra

    O Sarney Filho desde o desgoverno do Lula, passando pelo desgoverno da Dilmanta e agora com o Temer, manteve no Ministério do Meio Ambiente todo esse tempo, quer dizer, se tornou um ministro vitalício dessa pasta. É bom o MPF e a PF darem uma olhada mais minuciosa nisso.

    Curtir