Clique e assine com até 92% de desconto
Radar Por Gabriel Mascarenhas (interino) Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

PL expulsa candidato nazista em Santa Catarina

Professor Wander concorria ao cargo de vereador em Pomerode.

Por Manoel Schlindwein 8 out 2020, 17h06

O Partido Liberal de Santa Catarina removeu de seus quadros o candidato a vereador Wandercy Antônio Pugliesi na tarde de hoje.

Como o Radar apontou mais cedo, o ex-professor de história é simpatizante do ideário nazista. Além de colecionador de artefatos ligados ao regime, seu filho é batizado com o nome Adolf e uma suástica está desenhada no fundo da piscina da casa dele.

Em nota, o diretório estadual do PL afirmou que “desconhecia a filiação do candidato a vereador da cidade de Pomerode, Professor Wander”, alegando que o processo foi realizado diretamente pela instância municipal do partido.

“Por não compactuar ideologicamente com o filiado, o PL encaminhou o desligamento do mesmo. O partido reforça sua firme posição contra todo tipo de apologia à discriminação racial, religiosa e social”, termina a nota.

Continua após a publicidade
Publicidade