Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Percentual de motoristas que cai na Lei Seca despenca em 8 anos

Quando operação começou no Rio, 7,9% dos condutores abordados pelas blitz estavam embriagados; hoje, media é de 4,5%

Por Gabriel Mascarenhas - 19 jul 2017, 12h05

A Operação Lei Seca do Rio de Janeiro contabilizou o efeito das blitz que levam à turna do funil à loucura no estado.

Ao que parece, uma parte significativa de motoristas se convenceu de que não se deve pegar o carro depois de uns tragos.

Em 2009, quando começou a ofensiva nos asfaltos fluminenses, 7,9% dos condutores parados na Lei Seca estavam alcoolizados. Hoje, oito anos depois, o percentual caiu para 4,5%.

Publicidade