Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Pela segunda vez, Paes suspende vacinação no Rio e culpa Bolsonaro

A aplicação de primeira dose foi suspensa nesta terça-feira

Por Lucas Vettorazzo 10 ago 2021, 20h08

Pela segunda vez em menos de 30 dias, a prefeitura do Rio teve que suspender a aplicação da primeira dose de vacinas contra a Covid-19 pelo calendário por idade

A vacinação de segunda dose está mantida, assim como prossegue a aplicação da primeira dose em pessoas com 50 anos ou mais, pessoas com deficiência, gestantes e puérperas. 

Segundo comunicado divulgado na noite desta terça-feira pela gestão de Eduardo Paes, o motivo para a suspensão do calendário é o atraso da logística do governo de Jair Bolsonaro. 

De acordo com a secretaria de Saúde do Rio, o governo federal está atrasado no envio aos estados e municípios de 10,3 milhões de doses da Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac que chegaram ao Ministério da Saúde no último dia quatro. 

O calendário por idades estava em 25 anos e será retomado quando chegarem novos carregamentos do governo federal.

Continua após a publicidade

Publicidade