Clique e assine com até 92% de desconto
Radar Por Gabriel Mascarenhas (interino) Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

No STF, colegas avaliam os planos de Fux para o inquérito das fake news

Ministro assume a presidência do Supremo no próximo dia 10

Por Robson Bonin Atualizado em 4 set 2020, 10h52 - Publicado em 4 set 2020, 09h11

Luiz Fux não fala nem sob tortura o que fará com o inquérito das fake news. Ele vai assumir o comando do STF no próximo dia dez.

Terá no inquérito aberto por Dias Toffoli, seu antecessor, uma ferramenta importante de investigação, caso o bolsonarismo radical resolva voltar a aloprar.

É justamente esse argumento que leva seus colegas a apostarem que ele deixará aberto o procedimento.

ASSINE VEJA

Os riscos do auxílio emergencial Na edição da semana: a importância das reformas para a saúde da economia. E mais: os segredos da advogada que conviveu com Queiroz
Clique e Assine
Publicidade