Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Olavo de Carvalho propaga fake news de prisão de Witzel e Doria

Conteúdo publicado pelo astrólogo afirma que Augusto Aras pediu a prisão dos dois rivais de Bolsonaro

Por Robson Bonin Atualizado em 19 Maio 2020, 16h11 - Publicado em 19 Maio 2020, 16h06

Guru de Jair Bolsonaro, o astrólogo Olavo de Carvalho entrou na corrente bolsonarista que desde a semana passada vem propagando nas redes a suposta prisão de João Doria e Wilson Witzel por suspeitas de corrupção na pandemia.

A fake news é divulgada por um canal bolsonarista que se apropriou de duas notícias publicadas pelo Radar e passou a desvirtuar seu conteúdo.

O Radar mostrou nesta segunda que a PGR já havia pedido a abertura de três inquéritos contra governadores, incluindo Witzel, por suspeitas de corrupção em gastos emergenciais da pandemia.

No início do mês, o Radar havia antecipado a decisão de Aras de destacar uma equipe de procuradores para investigar suspeitas de corrupção contra governadores em todo o país. O grupo já havia identificado elementos contra cinco governadores. O número atual, no entanto, é maior.

O Radar apurou, no entanto, que não há, até esta terça, nenhum pedido de prisão contra os governadores que tenha sido despachado pela PGR ao STJ, o tribunal encarregado de julgar mandatários estaduais.

A fake news postada pelo astrólogo nas redes sociais VEJA/Reprodução
Continua após a publicidade
Publicidade