Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

O voto de Nunes Marques sobre a guerra de Lula contra Moro no STF

Ministro pediu vista durante julgamento da Segunda Turma e adiou desfecho do caso com placar em 2 a 2

Por Robson Bonin Atualizado em 19 mar 2021, 00h19 - Publicado em 16 mar 2021, 12h29

O ministro Nunes Marques, do STF, que pediu vista e adiou o desfecho da guerra entre Lula e Sergio Moro, disse a interlocutores da Corte que não tem previsão de levar ao plenário da Segunda Turma seu voto no caso da suspeição do ex-juiz da Lava-Jato.

Havia expectativa de que o ministro pudesse retomar o caso já, na reunião desta terça. Nunes Marques, no entanto, deve aguardar o desfecho de outras matérias sob relatoria do ministro Edson Fachin para só então andar com seu trabalho.

Leia também:

  • 392 milhões de doses de vacinas para Covid-19 já foram administradas. 
  • Queiroga defende vacina e máscara, enaltece o SUS e a ciência e pede união.
  • Missão de Queiroga é resgatar Bolsonaro do negacionismo, dizem auxiliares.
  • O ‘legado’ de Pazuello é o principal desafio do novo ministro da Saúde.
Publicidade