Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

O apelido pegou

O Corinthians quer 300 milhões de reais pelos direitos do nome do Itaquerão – o que daria o direito de a empresa patrocinadora batizar o estádio com o seu nome por vinte anos. É um dinheiro necessário para o clube pagar parte importante da fatura da obra. Beleza. Só que a turma do marketing do […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 10h19 - Publicado em 1 nov 2011, 08h32

Itaquerão: um nome que afugenta patrocinadores

O Corinthians quer 300 milhões de reais pelos direitos do nome do Itaquerão – o que daria o direito de a empresa patrocinadora batizar o estádio com o seu nome por vinte anos.

É um dinheiro necessário para o clube pagar parte importante da fatura da obra. Beleza. Só que a turma do marketing do Corinthians está penando.

O apelido Itaquerão pegou. E as empresas estão pouco dispostas, até agora, a dispender tanta grana para no final das contas as pessoas chamarem o estádio de Itaquerão.

Continua após a publicidade
Publicidade