Clique e assine com até 92% de desconto
Radar Por Gabriel Mascarenhas (interino) Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Novo percentual de biodiesel no diesel deve ter impacto nas bombas

Mudança na recomendação do percentual pela ANP preocupa distribuidores e pode atingir consumidor

Por Mariana Muniz Atualizado em 9 out 2020, 17h50 - Publicado em 9 out 2020, 17h32

Deve ser de quase 800 milhões de reais o custo extra para o setor de transportes, indústria em geral e, no fim das contas, para o consumidor da decisão da Agência Nacional de Petróleo (ANP) — que nesta quarta-feira elevou de 10% para 11% a mistura obrigatória de biodiesel ao diesel B, até dezembro.

Nos bastidores, o que se comenta é que o aumento do percentual é fruto de pressão do Ministério de Minas e Energia. No Brasil, as distribuidoras são obrigadas a misturar biodiesel ao diesel antes da venda aos postos.

Oficialmente, a agência afirma que a medida permitirá o atendimento à demanda nacional. Mas a oferta reduzida do produto no leilão L76, esta semana, deixou preocupados distribuidores de combustíveis e outros agentes do mercado.

E os preços do biodiesel, especialmente à base de soja, seguem em níveis recordes (38% acima do leilão anterior) el já está custando quase o dobro do preço do diesel que sai das refinarias.

Continua após a publicidade
Publicidade