Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Nova presidente da Capes é reitora de universidade fundada por sua família

Capes é responsável por avaliar cursos de pós-graduação; Cláudia Mansani Queda de Toledo foi anunciada por Milton Ribeiro

Por Mariana Muniz Atualizado em 15 abr 2021, 21h43 - Publicado em 15 abr 2021, 21h37

Cláudia Mansani Queda de Toledo foi nomeada nesta quinta-feira como nova presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), a instituição ligada ao MEC responsável pela avaliação da pós-graduação no Brasil. 

Ocorre que a nova presidente da Capes é reitora de uma universidade particular, o Centro Universitário de Bauru, faculdade particular que antes tinha o nome de Instituto Toledo de Ensino (ITE) — fundada por sua família.

Além de ser reitora, Cláudia fez graduação e doutorado em Direito na universidade fundada pela família. Lá também foi onde estudou o próprio ministro da Educação, Milton Ribeiro. 

Na Capes, logo após o anúncio da nomeação, a dúvida que paira é a seguinte: não haveria conflito de interesses em Claudia ser presidente do órgão que avalia a pós-graduação, sendo ela dona e reitora de uma instituição avaliada?

Vale lembrar que em 2021 será realizada a avaliação quadrienal, quando o rendimento dos mais de 7 mil programas de pós-graduação será medido. Integrantes da Capes temem uma enxurrada de aprovações de cursos sem qualificação. 

Continua após a publicidade

Publicidade