Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Na reunião de governadores, Bolsonaro vira piada

Caiado, que rompeu politicamente com o Planalto nesta quarta foi recepcionado por colega petista: ‘Bem-vindo ao clube!’

Por Manoel Schlindwein - Atualizado em 25 mar 2020, 18h20 - Publicado em 25 mar 2020, 17h40

Há pouco, na reunião de governadores para tratar da crise do coronavírus e das dificuldades criadas pelo presidente Jair Bolsonaro, o governador petista do Piauí, Wellington Dias, brincou com o governador de Goiás, Ronaldo Caiado.

“Bem-vindo ao Clube”, disse Dias a Caiado, que anunciou o rompimento político com o presidente da República nesta quarta. Chefe do Maranhão e antigo alvo de Bolsonaro, Flávio Dino pegou carona na fala de Dias: “Quero saber que clube é esse, que eu quero participar”, disse. João Doria foi no embalo: “Todos nós.”

O governador tucano Eduardo Leite, do Rio Grande do Sul, criticou Bolsonaro.

“O presidente vive sempre de criar confrontos e conflitos.”

Publicidade