Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Na mira dos responsáveis

Ophir Cavalcante enviou esta manhã a Cezar Peluso um ofício em que sugere a criação de um programa de monitoramento dos processos que apuram as responsabilidades ou cobram providências de vítimas de desastres causados pelas chuvas de verão. No texto, de quatro parágrafos, o presidente da OAB argumenta que, em casos como esse, “nem sempre […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 13h07 - Publicado em 18 jan 2011, 10h51

Ophir Cavalcante enviou esta manhã a Cezar Peluso um ofício em que sugere a criação de um programa de monitoramento dos processos que apuram as responsabilidades ou cobram providências de vítimas de desastres causados pelas chuvas de verão.

No texto, de quatro parágrafos, o presidente da OAB argumenta que, em casos como esse, “nem sempre há a prestação jurisdicional com a urgência necessária, fazendo com que os casos se repitam reiteradamente, impunemente”.

Os processos decorrentes de desastre, avalia o presidente da OAB, poderiam ser incluídos no âmbito do Justiça Plena, programa pelo qual o CNJ acompanha os casos de grande repercussão social que tramitam no Judiciário.

Publicidade