Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

MP pede fechamento da Shell, Ipiranga e BR no Rio

Órgão entrou com ação pública contra fraude em empresas

O Ministério Público do Rio entrou com uma ação civil pública contra três gigantes dos combustíveis: BR Distribuidora, Ipiranga e Esso/Shell. No processo, o órgão pede a cassação do registro destas empresas em todo o estado do Rio por fraude.

As distribuidoras foram envolvidas num escândalo em novembro de 2016, quando a Agência Nacional do Petróleo identificou 16 milhões de litros de etanol batizado com metanol em postos na Ilha do Governador, na Zona Norte do Rio. Até o momento ninguém foi punido pela ANP. 

No documento, o MP afirma que as empresas vendiam álcool adulterado com metanol, produto proibido no Brasil. No documento, o procurador Alberto Flores Camargo afirma que  houve perigo de dano para a ordem econômica e social. O metanol é altamente tóxico, e pode causar danos à saúde.

Camargo também pede ainda que o estado “não mais conceda ou renove benefícios fiscais ou financeiros” às empresas.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Bastou a Petrobrás comprar a Ipiranga para começar os crimes contra a população.
    Onde têm falcatruas no combustível?? Logo ali, no posto ipiranga.

    Curtir