Clique e assine com 88% de desconto
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Pedro Carvalho. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Conteúdo para assinantes

Militar detido com drogas fazia mesma rota de Bolsonaro para o Japão

Planalto ainda não confirma, mas fontes do palácio dizem que militar seria integrante da assessoria presidencial

Por Robson Bonin - 25 jun 2019, 16h49

O militar da Aeronáutica detido em Sevilha, na Espanha, por suspeita de transportar drogas num avião da Força Aérea Brasileira (FAB) fazia a mesma rota que Jair Bolsonaro fará a caminho do G20, no Japão — como mostra a programação do voo presidencial: “PR QUARTA-FEIRA, 26 DE JUNHO DE 2019 – 12h55 Chegada a Sevilha – 14h30 Partida de Sevilha para Nursultan – Duração: 7h40 de voo (+4 horas de fuso)”

Uma fonte do Planalto revelou ao Radar, há pouco, que a assessoria do presidente atua neste momento para identificar se o militar faz mesmo parte do chamado Escave, o Escalão Avançado da Presidência, que viaja antes da agenda oficial para preparar a chegada do presidente. A ordem é para divulgar a identidade do militar antes que o caso se torne um problema presidencial.

Publicidade