Clique e assine a partir de 8,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

MEC diz não ter interesse em contratar serviços de internet para escolas

Contratos feitos pelo programa Educação Conectada ajudariam municípios sem estrutura para a compra de equipamentos

Por Mariana Muniz - Atualizado em 21 jul 2020, 13h02 - Publicado em 22 jul 2020, 10h30

A Secretaria de Educação Básica do Ministério da Educação encaminhou ao FNDE, há duas semanas, um documento dizendo não ter interesse na contratação de serviços de infraestrutura de internet para municípios sem capacidade de fechar os negócios.

Segundo o Radar apurou, os contratos englobam links de conectividade, modems e roteadores de internet feitos através do programa Educação Conectada. A resposta da secretaria suspende qualquer previsão para que municípios possam ter acesso a estes serviços através do MEC.

Além dos contratos de infraestrutura de internet, seguem paralisados na SEB os contratos de notebooks para as escolas públicas – como o Radar mostrou em junho. O processo de compra desses equipamentos, parado depois que a licitação inicial foi revogada, deveria ter recomeçado em janeiro, mas até agora não saiu.

Publicidade