Clique e assine a partir de 8,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Material descartado na pandemia vira insumo para indústria plástica

Aumento por consumo de plástico durante a crise sanitária estimula setor a achar soluções sustentáveis.

Por Manoel Schlindwein - Atualizado em 7 out 2020, 14h06 - Publicado em 7 out 2020, 18h32

Um reflexo pouco percebido da pandemia do coronavírus foi o aumento do consumo de plástico, seja pela alta procura por máscaras de uso único ou de luvas descartáveis. Segundo dados da Associação Brasileira da Indústria do Plástico (Abiplast) houve aumento de 10% nas vendas de produtos à base do material e um crescimento de 13% da produção desses itens desde o início da pandemia.

De olho na sustentabilidade, a petroquímica Unigel lançou na segunda-feira uma linha de produtos desenvolvidos com esse tipo de plástico pós-consumo. A proposta da linha Ecogel é usar o material reciclado de modo a diminuir os impactos do descarte inadequado. Com o plástico pós-consumo serão produzidos bens duráveis como componentes de refrigeradores e eletroeletrônicos.

Publicidade