Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia e Mariana Muniz. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Marqueteiro de Doria aponta para França, mas mira em Skaf

Estratégia ou visão de gênio?

Por Gabriel Mascarenhas 28 ago 2018, 11h28

A última pesquisa do Datalfolha trouxe João Doria como favorito ao governo de São Paulo, na avaliação de 25% do eleitorado, seguido por Paulo Skaf, com 20% das intenções de voto, e, lá atrás, Marcio França com míseros 4%.

Embora o emedebista esteja mordendo os calcanhares de seu cliente, o marqueteiro de Doria, Nelson Biondi, anda dizendo por aí que o principal adversário do tucano é Marcio França.

A lógica sugere que, das duas, uma: ou Biondi está fazendo uma interpretação incrivelmente equivocada da pesquisa ou está antecipando algo que ninguém ainda conseguiu enxergar.

Segunda opção.

Ele sabe perfeitamente que Skaf é a maior das ameaças, mas adotou a velha estratégia de minimizar o desempenho do concorrente mais forte.

Continua após a publicidade
Publicidade