Clique e assine com até 92% de desconto
Radar Por Gabriel Mascarenhas (interino) Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Marconi Perillo põe panos quentes e liga para aliados de Tasso

Governador de Goiás disse que não apoia os ataques de deputados feitos contra o presidente do PSDB durante reunião que terminou em bate-boca

Por Gabriel Mascarenhas Atualizado em 30 jul 2020, 20h42 - Publicado em 1 nov 2017, 19h02

A reunião da bancada do PSDB da Câmara, ontem à tarde, terminou em baixaria.

A ala governista, ligada a Aécio Neves e Marconi Perillo, esculhambou Tasso Jereissati ao saber que o PSDB pretendia contratar uma empresa de comunicação que já havia prestado serviços ao PT.

A turma acabou abandonada. Perillo, candidato a presidente do partido contra Tasso na eleição que ocorrerá no final do ano, deu um passo para se desvincular do bate boca.

O governador de Goiás ligou para os deputados próximos a Tasso para dizer que não insuflou e não apoia a ira dos deputados que partiram para cima de Tasso durante a reunião da bancada.

Hoje, ele deve ir a Brasília para se encontrar com o presidente interino da sigla.

Continua após a publicidade
Publicidade