Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Livro sobre racismo na igreja evangélica norte-americana chega ao Brasil

'Uma leitura negra' propõe interpretação bíblica a partir da valorização da eclesiástica afro-americana, contra histórico escravista das religiões cristãs

Por Laísa Dall'Agnol Atualizado em 22 set 2021, 18h47 - Publicado em 20 set 2021, 14h30

Sucesso entre a crítica norte-americana, Uma leitura negra chega de forma inédita ao Brasil no próximo dia 20, pela Editora Mundo Cristão.

Escrita pelo teólogo afro-americano Esau McCaulley, a obra tem como tema central a relação entre fé e justiça social, abordando pautas como etnia, escravidão e racismo no contexto da igreja evangélica.

Importante voz na pauta antirracista, McCaulley propõe um modelo de interpretação bíblica a partir da valorização do legado das igrejas negras tradicionais, em um momento em que alguns dentro da comunidade afro-americana estão questionando o lugar da fé cristã.

Laurentino Gomes, jornalista, escritor e um dos maiores estudiosos da escravidão no Brasil, assina um dos prefácios da obra, a qual classifica como “fundamental”.

Uma leitura negra seria, à primeira vista, um livro de interesse de pessoas negras e cristãs. Na verdade, é bem mais que isso. É fundamental para entender a ideologia escravista, suas consequências no mundo de hoje, e o quanto a mensagem do evangelho foi manipulada e distorcida para justificar a opressão e a morte de milhões de negros escravizados”, diz Laurentino.

VEJA RECOMENDA | Conheça a lista dos livros mais vendidos da revista e nossas indicações especiais para você.

Continua após a publicidade
Publicidade